ETIQUETAS DE COMPOSIÇÃO – NORMAS TÉCNICAS

Normas Técnicas Etiquetas de Composição

ETIQUETAS DE COMPOSIÇÃO – NORMAS TÉCNICAS

 

Normas Técnicas Inmetro

Todos os produtos do seguimento têxtil precisam seguir normas e regulamentos para serem vendidos ao consumidor. As etiquetas devem levar informações obrigatórias (normas técnicas) do INMETRO, que são: razão social, CNPJ, composição do tecido, instruções de lavagem, país de origem, etc.

Mas o que são essas normas e para o que elas servem?

Primeiramente, precisamos entender o que é o Inmetro.

Denominado Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, o Inmetro é uma agência executiva que atua dentro do Governo Federal do Brasil. Seus principais objetivos buscam avaliar a conformidade dos produtos, processos e serviços que envolvam a aprovação de regulamentos; manter e conservar os padrões das unidades de medidas; fortalecer a participação do País nas atividades internacionais relacionadas com metrologia e qualidade; e verificar a observância das normas técnicas e das normas legais, no que se refere às unidades de medida, métodos de medição, medidas materializadas, instrumentos de medição e produtos pré-medidos.

Agora que você já entendeu o que é o Inmetro, listaremos aqui o significado das principais normas técnicas das quais ele avalia.

Razão Social: Trata-se do nome devidamente registrado sob o qual uma pessoa jurídica se individualiza e exerce suas atividades. É a assinatura de uma empresa comercial, seja ela uma sociedade limitada ou sociedade anônima.

CNPJ: Ou, Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica, é um número único que identifica uma pessoa jurídica perante à Receita Federal brasileira (órgão do Ministério da Fazenda).

Composição do Tecido: Basicamente são os materiais do qual o tecido é composto.

Instruções de Lavagem: Trata-se de símbolos referentes ao modo de lavagem, que vai de acordo com o estilo e tecido do produto. Esses símbolos estão sempre em atualização, portanto busque pesquisar a edição de simbologia mais atualizada, para estar de acordo com as normas do Inmetro.

País de Origem: O País/Local no qual foi produzido o produto.

As normas técnicas podem ser utilizadas nos mais diversos estilos de etiquetas, confira abaixo a aplicação:

Além das normas técnicas, podem ser acrescentadas informações não-obrigatórias, como por exemplo, contato de telefone, site, entre outros.

 

Está pensando em colocar etiquetas em seus produtos? Veja nosso portfólio de etiquetas clicando aqui.

Nenhum Comentário

Publique um comentário